Your browser (Internet Explorer 6) is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this and other websites. Learn how to update your browser.
X

Arquivado para abril, 2017

Certo ou Errado?

Quanto mais pesquiso e busco referências para o meu trabalho, vejo que esse conceito de certo e errado é muito subjetivo. De verdade. Sabe por quê? Porque a composição de um ambiente com móveis, adornos e afins retrata o momento de alguém, refletindo como está vivendo aquela fase.

E, como essas fases são transitórias, muitas vezes as pessoas costumam estender as mudanças pessoais dando uma repaginada no visual da casa de tempos em tempos. Muda o sofá de lugar, troca o quadro por outro, “monta” novo cenário com tudo o que tem, acrescentando uma pitada aqui e acolá de “novidade”.

Essa novidade pode ser uma estatueta, um porta-retrato, um papel de parede, uma luminária… Qualquer coisa que motive essa “dança das cadeiras” na decoração. E acho isso supersaudável! Quem não tem um vaso maravilhoso que, de repente, estava “invisível” num espaço e agora se torna a sensação da sala após a troca de lugar?

Veja a (foto 1)! Um espelho enorme, com moldura antiga, compõe o “canto” perto da janela com uma poltrona clássica e uma mesinha lateral moderna. Os detalhes ajudam a deixar o espaço atraente e bonito, convidando a pessoa a se sentar ali para passar um tempo… relaxando.

Observe a da lareira (Foto 2). As paredes laterais estão muito bonitas, harmoniosas. As luminárias, o tamanho dos quadros e a mesa são iguais. Só! Todo o restante é diferente, mas “se conversa” de forma equilibrada e agradável de ver.

Tem essa da sala (Foto 3), que eu adoro. São 25 quadros de pessoas e paisagens diferentes compondo o espaço com peças modernas e outras com ares mais antigos. Ficou um charme, na dose certa.

Cada uma dessas fotos retrata quem usufrui daquele espaço, traz informação da personalidade de cada um dos moradores, reflete o momento atual. Olhe agora para a sua casa. O que ela diz sobre você? Veja e me escreva contando, lembrando-se que não há certo ou errado. O que existe é você e a sua vontade de viver em paz e harmonia.

design de interiores
Foto 1
design de interiores
Foto 2
design de interiores
Foto 3